Justiça desbloqueia ferrovia da Vale em Canaã dos Carajás

No final da tarde desta quarta-feira 05, oficiais de justiça da comarca de Canaã de Carajás acompanhados por Policiais Militares do Comando de Missões Especiais e do efetivo Policial da PM de Canaã, deram cumprimento a ordem judicial emanada do Juiz Titular da 2ª. Vara Cível e Empresarial, Dr. Daniel Gomes Coelho, e desobstruíram a ferrovia na altura do KM 82, nas proximidades da VS 40, que estava ocupado por manifestantes da Associação das Famílias dos Produtores Rurais da Gleba Buriti da Serra do Rabo, desde as duas horas da madrugada.
A desobstrução da ferrovia ocorreu por volta das 17 horas. Quando os agentes da Justiça e os militares chegaram ao local da interdição, os manifestantes já estavam se retirando, de forma que a desocupação ocorreu de forma pacífica. Na ocasião os manifestantes foram cientificados da decisão judicial e intimados a não mais interditarem a ferrovia, sob as penalidades legais.
Ao final a Vale S/A foi devidamente reintegrada na área litigada onde havia ocorrido o bloqueio, e os representantes da Vale que acompanharam o cumprimento da ordem judicial lamentaram o prejuízo sofrido pela companhia com a paralisação dos trens de carga e de passageiros.

Acompanhe as imagens: